Corrente Prescritiva e Descritiva e as Escolas de Pensamento Estratégico: Modelo Conceitual para Estruturar a Formação Estratégica nas Organizações

Oberdan Teles da Silva, Eric Charles Henri Dorion, Cassiane Chais, Susana Elisabeth Neumann, Juliano Stiegemeier, Vanessa Girelli, Eduarda Sophia Neumann Pereira, Pedro Vinicius Frizzo, Vandoir Welchen, Juliana Matte, Paula Patricia Ganzer, Pelayo Munhoz Olea
  • November 2018, Universidade Caixias do Sul
  • DOI: 10.18226/610001/mostraxviii.2018.09

Corrente Prescritiva e Descritiva e as Escolas de Pensamento Estratégico

What is it about?

Estratégia é um conceito amplo e complexo que varia nas diferentes escolas das correntes prescritiva e descritiva. Por isso, foi necessário construir um quadro conceitual teórico para interpretar a estruturação da conduta formal estratégica pelo nível estratégico das organizações, bem como identificar a interpretação e convergência dos demais atores do nível hierárquico tático no processo de formalização da estratégia. Para tanto, realizou-se uma revisão da literatura, como parte de dissertação de mestrado. O modelo resultante é dividido em duas partes: a primeira apresenta os cortes formais das escolas prescritivas baseadas no design, posicionamento e planejamento; a segunda parte envolve os cortes oriundos das escolas descritivas que envolvem a aprendizagem, a cognitiva, o poder, a configuração, a ambiental, a empreendedora e a cultural. Os quadros teóricos permitirão aprofundar o entendimento de como o processo de formulação da estratégia acontece nas organizações a nível estratégico e tático, bem como as diferentes escolas de pensamento estratégico podem ser combinadas nas organizações, contribuindo com pesquisas futuras.

Read Publication

http://dx.doi.org/10.18226/610001/mostraxviii.2018.09

The following have contributed to this page: Dr Pelayo Munhoz Olea