O QUE É CIÊNCIA? UMA REFLEXÃO ACERCA DAS PERCEPÇÕES DE ALUNOS DE DOUTORADO EM ADMINISTRAÇÃO ANALISADAS SOB A PERSPECTIVA DE EDGAR MORIN E DO PARADIGMA DA COMPLEXIDADE

Giancarlo Dal Bo, Uiliam Hahn Biegelmeyer, Paula Patrícia Ganzer, Pelayo Munhoz Olea, Eric Charles Henri Dorion
  • Administração Ensino e Pesquisa, November 2015, ANGRAD
  • DOI: 10.13058/raep.2015.v16n3.282

O QUE É CIÊNCIA? UMA REFLEXÃO ACERCA DAS PERCEPÇÕES DE ALUNOS DE DOUTORADO EM ADMINISTRAÇÃO

What is it about?

Discussões a respeito dos paradigmas que modelam a ciência são importantes no sentido de promover uma reflexão entre os pesquisadores quanto ao seu papel na sociedade. O paradigma cartesiano-newtoniano encontra-se tanto no âmbito das ciências naturais quanto no âmbito das ciências sociais, que as tomaram como referência, sendo gradativamente colocado em questionamento, em função do esgotamento de sua força explicativa diante dos fenômenos da atualidade. Alguns autores propõem o paradigma da complexidade que teria, em função de características expostas neste trabalho, melhores condições de propiciar uma compreensão ampla do processo de construção do conhecimento. Por meio de revisão bibliográfica e de uma pesquisa quantitativa conduzida junto a alunos de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Administração em associação ampla entre duas Instituições de Ensino Superior do Rio Grande do Sul, este artigo realiza a identificação das percepções vigentes em relação às posições epistemológicas e paradigmáticas assumidas no âmbito das ciências, confrontando-as com a proposta de Edgar Morin relativamente ao paradigma da complexidade.

Read Publication

http://dx.doi.org/10.13058/raep.2015.v16n3.282

The following have contributed to this page: Dr Pelayo Munhoz Olea, Dra. Paula Patricia Ganzer, and Dr Eric Charles Henri Dorion